sexta, 23 dezembro 2016 10:05

Parque de Campismo de Espinho

Classifique este item
(0 votos)

O Parque Municipal de Campismo de Espinho localiza-se no limiar da cidade de Espinho, tendo acesso direto às praias. Tem uma área total de 36.130 m2, sendo 34.290 m2 de área descoberta e 1.840 m2 de área coberta. Além do espaço necessário para instalação de tendas (pequenas, médias e grandes), caravanas, auto-caravanas e alvéolos, espaço reservado para acolhimento de grandes grupos,  integra ainda o parque um bloco com a receção, bar, restaurante, zona administrativa e armazém; mais quatro blocos de sanitários com água quente e lavandarias; piscina; posto de enfermagem; zona de aparcamento automóvel e portaria.

Muito próximo do Parque de Campismo de Espinho encontrará todas as infraestruturas que lhe ajudarão a passar uns excelentes dias de férias, nomeadamente o Casino de Espinho, a Lagoa de Paramos, a Barrinha de Esmoriz (aqui poderá observar diversas espécies de aves terrestres e aquáticas), e o Castro de Ovil (ruínas arqueológicas de um tipo de povoado da Idade do Ferro, a 5 km de Cortegaça).

Parque de Campismo

Características:

Aeroporto a 30 km
Área para lavagem de veículos
Correios
Estação de autocarros a 400 mts
Guarda de valores
Lava pés
Lava loiça
Minimercado / supermercado
Multibanco a 700 mts
Parque infantil
Piscina
Restaurante
Sombras naturais
Tomadas de corrente
Animais não admitidos
Bar
Duche quente
Estação de comboios a 800 mts
Hospital / Centro de Saúde a 2 km
Lava roupa
Lavatórios com água quente
Muitas sombras
Parque com alvéolos
Pesca a 800 mts
Posto de Primeiros Socorros
Snack-bar
Telefone Público
Tomadas de corrente para caravanas e tendas
Lotação: 850
Zona de Barbecues
Lavandaria
Descargas de autocaravanas


Depois de se instalar no Parque de Campismo Municipal de Espinho, deverá aproveitar a oportunidade para ficar a conhecer os seguintes locais e festividades:

Fazer:

Praia Solverde
Praia Seca Sul
Praia Seca
Praia Pop
Praia da Frente Azul
Praia da Baía
Praia de Silvade
Praia Azul
Praia da Costa Verde
Praia da Pesca
Praia de Paramos
Praia das Duas Sereias
Festa de Nossa Senhora da Ajuda
Festa de São João do Rio Largo
Festas Populares de São Pedro
Festas da Cidade
Festas Populares de São João
Festa de São Martinho
Nossa Senhora da Guia e Santo Estevão
Festa de Nossa Senhora das Dores
Castro de Ovil
Biblioteca Municipal de Espinho
Igreja Matriz de Espinho ou Igreja de Nossa Senhora da Ajuda
Centro Multimeios de Espinho – Galeria de Exposições
Festa da Senhora dos Altos Céus ou Festa dos Rojões
Cinanima – Festival Internacional de Cinema de Animação
Encontro de Estátuas Vivas
FIME – Festival Internacional de Musica de Espinho
Festas de Nossa Senhora do Mar
Capela de Nossa Senhora da Ajuda

Rua da Praia | 4500-083 Espinho
Telefone: +351 227 335 871
Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
Coordenadas GPS: 41º00'50" N |  8º38'15" W

Fontee: Câmara Municipal de Espinho, campismo.info
 

Lida 577 vezes

Autor

Ondas da Serra

Ondas da Serra® é um Orgão de Comunicação Social periódico, distribuído electronicamente, que visa através da inserção de notícias, promover a identidade regional, o turismo, e a divulgação/defesa do património natural, arquitectónico, pessoas, animais e tradições, dos concelhos da região norte do distrito de Aveiro, nomeadamente: Ovar, Santa Maria da Feira, Espinho, São João da Madeira, Oliveira de Azeméis, Vale de Cambra e Arouca e do forma mais geral dos restantes municípios do distrito.

Itens relacionados

Os melhores sítios para ficar em Oliveira de Azeméis

Reunímos os melhores locais para dormir enquanto descobre o património de Oliveira de Azenéis. O concelho é um dos destinos imperdíveis para os amantes de cidades com uma agenda cultural intensa, permanentemente quebrada por workshops de história, arte e, claro, vida. Recarregue baterias em alguns dos hotéis, pousadas ou quintas mais icónicos desta terra enquanto aproveita para explorar caminhos apaixonantes ppor paisagens e histórias.

Alojamento em Ovar

O concelho vareiro durante o século XIX e meados do século XX possuía muitos palheiros, casebres com uma construção deficiente que muitas vezes não passavam de um amontoado de tábuas que ao olhar ameaçavam ruir a qualquer instante. Estas fracas habitações de gente pobre, muitas vezes com chão em areia, forneciam alojamento aos pescadores que viviam em sobressalto com o que o mar lhe oferecia em dias de bonança. Os temos felizmente mudaram e agora a prosperidade ditou que Ovar se tornasse um ponto de interesse turístico, com as suas praias, ria, gastronomia e cultura. Aqui ficam algumas propostas de alojamento para quem se desloque a esta região.

Dormir em Arouca

Arouca oferece ao visitante que pretenda passar uns dias nesta região e conhecer as suas bonitas freguesias e aldeias históricas, hotéis tradicionais e muitas quintas e casas para o turismo rural.