Pág. 1 de 3

Ondas da Serra regressou Arouca para conhecer melhor a Serra da Freita, pelos caminhos do trilho “Viagem à Pré-História”.Esta é uma das épocas do ano mais aconselhadas para fazer este percurso, porque a mãe natureza acordou para florir as encostas despidas destes montes com urze, carqueja e giestas, pintando-as de tonalidades amarelas e lilases, que enchem o ar com doces odores perfumados.

Chegar a Regoufe – Arouca não é fácil, mas vale o esforço. Esta aldeia fica localizada no fundo de um vale e mantém ainda viva os ecos do seu passado agrícola, com o cultivo da terra, a pastorícia e restos da sua historia mineira. Ao caminhar pelas suas lajes de pedra encontramos a cada virar da esquina velhos agricultores, rebanhos de ovelhas, cabras ou outros animais.

Diz-se muitas vezes acertadamente que a beleza e magia estão no olhar de quem observa, este verbo foi usado intencionalmente, porque observar é diferente de ver, assim como escutar é diferente de ouvir.

Arouca possui uma grande riqueza a nível do património natural e arquitetónico, abaixo o nosso leitor poderá ler uma síntese de alguns destes locais e monumentos que poderá visitar. Quando se deslocar a estes locais não deixe de visitar as aldeias que estão próximas e ver quadros reais dum Portugal de outros tempos. Por vezes parece que o tempo voltou para trás e até se vêem ainda a circular motorizadas "SIS Sachs V5" por pessoas com alguma idade. Em muitos locais o passado e o presente encontram-se fornecendo ao fotografo capturas duma realidade muito peculiar.

Faz parte do Maciço de Gralheira, juntamente com a Serra da Arada (1057 m.) e do Arestal (830 m.), ultrapassando alguns dos seus cumes os 1000 m. de altitude. Ao longo da sua vasta extensão, para além de muitos outros atractivos, pode deparar-se com a Fecha da Mizarela, a secular capela da Sra. da Lage, o fenómeno único das Pedras Parideiras, a Portela da Anta e algumas das aldeias mais características da região, como a Castanheira, Cabreiros e Cando.

Descrição: Zona de recreio e lazer localizada na margem do Rio Paiva, na freguesia de Canelas. O local é muito agradável, com muita vegetação.

Pág. 1 de 3